21 de maio de 2010

Adeus a Damário da Cruz..

Quando morre um poeta, morre em mim um poema. E quando eu choro por eles, eu também choro por mim. Um bom poema leva anos, como dizia o Leminski. O Damário nos deixou repousar em suas palavras, nos ensinou a ser pássaros, livres. “A vida vale menos que um poema”, ele disse, antes de partir. E isso faz cada vez mais e mais sentido...

10 de maio de 2010

Festa Africana 4


Acesse o blog e fique por dentro da festa temática mais badalada de Salvador

http://www.festaafricana.blogspot.com/

Quem vai querer ficar de fora dessa?

2 de maio de 2010

Pensando, assim, em voltar.. sabe?

Sempre há tantas coisas a dizer... sobretudo quando o coração dá sinais de uma existência superiormente interessante, onde cada hora tem o seu encanto diferente, cada passo conduz ao extase, essas coisas que o Eça de Queiroz resolveu dizer um dia...